Por que o gerente de loja não deve comparar os vendedores?

O Gerente de loja é uma figura importante no varejo físico, já que é essa pessoa responsável pela gestão dos vendedores — principal meio de contato dos clientes com a marca.

Então, para obter o melhor de cada vendedor, nunca deve se realizar comparações entre um vendedor e outro, pois cada um é diferente e possui diferentes pontos positivos e negativos. 

Qualquer pessoa que esteja na liderança possui destaque por suas atribuições inerentes ao cargo e também pelo simbolismo que a posição carrega. Numa loja física, atitudes e comportamentos de um gerente são vistos como referências pela equipe, tanto pelo lado positivo quanto pelo negativo.

A comparação entre vendedores não é o caminho ideal para um Gerente obter o melhor resultado. Porém, a comparação dos vendedores com a média da loja, em relação ao resultado coletivo é muito recomendado. 

Você vai saber o porquê, neste artigo. Além de também descobrir o que um bom Gerente de loja deve praticar para melhorar a gestão e resultados de toda a equipe!

Por que um Gerente de loja não deve comparar os vendedores?

Pessoas são únicas, com qualidades, defeitos, talentos e fraquezas. Diante desse fato um Gerente de loja deve tomar como primeiro passo, que ninguém é igual a ninguém, portanto, comparações são injustas.

Você já deve ter percebido em seu trabalho que enquanto um vendedor está sempre disposto a organizar a vitrine, o outro espera o cliente chegar para vender. Esses são casos comuns no dia a dia de trabalho de uma loja física e mostram diferentes características de pessoas em cargos iguais.

Usar da comparação entre vendedores para dizer que um é melhor que o outro, ou que X pessoa faz menos tarefas que outra, vai colocar a equipe contra si mesma. No final, isso só prejudica o trabalho de todos.

Sendo assim, é papel do Gerente fazer com que os vendedores se inspirem naquele vendedor que tem a melhor performance, e não competir com ele.

O que um Gerente de loja deve fazer para estimular sua equipe?

Há vários meios de se conquistar a confiança da equipe de vendas e fazer com que cada pessoa dê o seu melhor no trabalho. Com um olhar mais humanizado sobre as pessoas, dá para levantar o ânimo dos vendedores e melhorar a performance geral da loja.

Manter a organização da loja

A organização é sinônimo de responsabilidade e, principalmente, atenção e cuidado com a loja e equipe. Uma loja deve ser organizada do estacionamento ao estoque, ou seja, de ponta a ponta.

Uma organização bem administrada por um Gerente de loja promove um clima de trabalho mais fluído, dinâmico e que facilita o trabalho de todos. Tudo o que impacta positivamente nas vendas do varejo físico.

Transmitir metas consistentes e claras

Um Gerente de loja deve conhecer as metas do comércio e elaborar, juntamente com o proprietário e equipe, meios para alcançá-las. Essa elaboração deve ser baseada em como aproveitar o melhor de cada membro da equipe, para contemplar todos de forma equilibrada.

Assim, nenhuma meta fica difícil demais para um vendedor que está por exemplo, começando, ou um objetivo fica muito fácil para alguém que supera as metas todo mês.

Portanto, comunicar as metas a todos de maneira clara e fornecer todo o suporte para que os vendedores encontrem os melhores caminhos por si é uma estratégia ideal.

Fazer o controle de estoque

Um Gerente de loja deve sempre manter o estoque sob controle total, já que essa área impacta diretamente nas vendas. Ou você quer que o seu vendedor faça a venda, mas na hora de pegar o produto novinho em estoque, se depare com uma prateleira vazia?

Fazer a devida gestão de estoque é imprescindível. Para que a loja tenha recursos para os vendedores fazerem suas vendas em segurança, principalmente em grandes quantidades.

O Gerente de loja deve motivar os vendedores

A motivação é, juntamente com os recursos físicos de uma loja, o motor das vendas e da boa liderança de uma equipe de loja física.

Motivar não significa necessariamente bater palmas e jogar os braços ao alto com a equipe, durante a hora de abertura da loja. Mas sim, manter uma gestão humanizada, ouvir cada vendedor, entender o ponto de vista de cada e aconselhar todos na busca de resultados — dar uma força mesmo.

Principalmente quando as vendas estão em baixa, é hora de “organizar a casa” e fazer breves reuniões, que busquem formas de a loja vender mais. O que você estará fazendo assim, é dar uma injeção de ânimo nas pessoas.

Ter atitudes e comportamentos éticos

Chefes de Estado, líderes religiosos, empreendedores de sucesso, gerentes de loja. Não importa, todo líder transmite uma imagem por meio de suas atitudes e comportamentos.

Nesse quesito, todo cuidado é pouco, já que qualquer mínimo deslize tem uma projeção maior aos olhos da equipe. Um erro de um Gerente de loja nesse cenário pode virar motivo de fofoca e mau exemplo.

Portanto, ter uma comunicação clara, precisa e calma com toda a equipe e clientes e vestir-se adequadamente são dicas para manter uma imagem positiva.

Não se esqueça que esses fatores devem sempre vir acompanhados de um posicionamento ético. Um Gerente precisa respeitar as diferenças entre cada pessoa e manter os valores, a missão e a visão da loja, representados em sua figura de liderança.

Conduzir as pessoas ao seu melhor

A boa liderança sempre deve conduzir as pessoas a descobrirem e explorarem o seu melhor. Assim é com um Gerente de loja e seus liderados, os vendedores.

Ouvir cada pessoa, ser acessível e trabalhar a inteligência emocional para perceber em que cada vendedor é melhor, são chaves para levar a equipe ao sucesso.

Muitas vezes, um vendedor é ótimo na organização da loja, já outro sabe vender melhor uma determinada categoria de produtos, enquanto outro é o tipo “amigo do cliente”.

Entender cada personalidade que atua na loja dará um norte de quais passos adotar e de como levar o vendedor a descobrir o seu potencial e usá-lo em favor das vendas. É um trabalho a longo prazo, que vale até leitura de livros sobre liderança para alcançar melhores resultados.

Além de todas essas dicas de uma boa atuação de um Gerente de loja, é preciso também lembrar que os resultados em uma loja física são conquistados em equipe. Portanto, não se dar o mérito exclusivo de metas superadas e manter os pés no chão vai contribuir também na relação com os vendedores.

Veja também quais são as 7 dicas que todo Gerente de loja deve colocar em prática para obter resultados excelentes!

Até logo,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Somos uma plataforma incrível de análise de performance de varejo. que conecta de forma inteligente o gestor e a sua equipe de vendas. De maneira fácil, dinâmica e intuitiva, levamos estas respostas para você!

Conteúdo

Contatos

vendas@indeva.com.br
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados | Website desenvolvido por Erik Perin